Samae adere ao projeto de Eficiência Energética no Abastecimento de Água


Publicado em: 01/11/2017 14:01
Samae adere ao projeto de Eficiência Energética no Abastecimento de Água
O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Blumenau aderiu ao projeto de Eficiência Energética no Abastecimento de Água (ProEESA), de gestão de perdas de água e energia em sistemas de abastecimento de água. O ProEESA é uma parceria entre o Ministério das Cidades do Brasil (MCidades) e o Ministério Federal da Cooperação Econômica e do Desenvolvimento (BMZ) da Alemanha.

O projeto de cooperação em Eficiência Energética no Abastecimento de Água tem o intuito de atuar na melhoria das condições para implantação de medidas nas entidades prestadores de serviços, reduzindo as despesas com eletricidade, consumo energético e perdas de água, aumentando a conservação das redes de distribuição e nas instalações de bombeamento.

De acordo com o Sistema Nacional de Informações sobre o Saneamento (SNIS), no ano de 2015 as despesas com energia elétrica das operadoras do setor atingiram R$ 5,1 bilhões. O Samae de Blumenau, no mesmo ano, teve um gasto de R$ 10,2 milhões. O Plano Nacional de Eficiência Energética (PNEF) estima que é possível reduzir 39% do consumo de energia.

Para o presidente da autarquia, Alexandro Fernandes, iniciativas como estas são fundamentais para a excelência na prestação dos serviços. “Atualmente temos diversas medidas que visam a redução, principalmente, no índice de perdas de água, mas participar de programas como este é sempre algo positivo já que nos auxilia em melhorar ainda mais nosso serviço prestado”, relata.

Ainda segundo o presidente, baseado em estudos envolvendo unidades consumidoras do município, o Samae realizou algumas ações no sentido de reduzir o custo com energia elétrica. Dentre elas a renegociação de contratos de demanda, manutenção e troca de capacitores. Já para redução do índice de perdas de água, a autarquia tem ações definidas no Plano Municipal de Saneamento Básico vigente. Uma delas, já em execução, é a renovação parcial do parque de hidrômetros do município.

Redes de Aprendizagem
Visando contribuir para a sustentabilidade econômica e ambiental dos prestadores de serviços a SNSA/MCidades, por meio da Agência Intermunicipal de Regulação do Médio Vale do Itajaí (AGIR) e da Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável – Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ), realiza a iniciativa Redes de Aprendizagem visando a redução de perdas de água e energia dos prestadores de serviços.

Para isto será estabelecida uma rede com 14 prestadores de serviços da mesma região para sessões de trabalho que vão desde encontros para trocas de experiências a treinamentos específicos e acompanhamento de especialistas, auxiliando o prestador de serviço na elaboração do Plano de Gestão de Perdas de Água e Energia. A Rede de Aprendizagem terá, ao todo, três fases que juntas terão duração de um ano.

Assessor de Comunicação: Diorgnes Saldanha Lima